fbpx

#ColunaDiquinta – Preço alto até quando?

(G1) “Puxado pela alta da gasolina, o Índice Nacional de Preços Ao Consumidor Amplo (IPCA), considerado a inflação oficial do país, acelerou para 1,25% em outubro, após ter registrado taxa de 1,16% em setembro. Com o resultado, a inflação acumula alta de 8,24% no ano e de 10,67% nos últimos 12 meses.”

Afinal, sempre teremos inflação?

Os preços sempre serão ajustados? não podem se estabilizar?

Na verdade, podem até ser congelados, e em diversos momentos da história isso aconteceu. Lembram dos fiscais do Sarney?

No Brasil, usamos como medidor oficial de inflação o indicador IPCA (índice nacional de preços ao consumidor amplo). O IPCA é medido diariamente nas principais áreas urbanas do país com cerca de 350 produtos e serviços, e publicado mensalmente pelo IBGE.

“A inflação é uma forma de tributação que pode ser imposta sem legislação” – Milton Friedman

A inflação é importante por alguns motivos, e o mais importante deles, é estimular as pessoas a investir e/ou gastar do que poupar, porque corrói lentamente o valor do dinheiro nos bolsos. Esse ímpeto é importante nas economias, a longo prazo, pois estimula as empresas a investirem em novas tecnologias.

O pior problema da inflação excessiva, e também da deflação (quando há uma diminuição nos preços), é de desestabilizar a economia. Quando empresas e famílias se sentem inseguras sobre a velocidade de aumento ou diminuição dos preços, deixam de investir e de poupar e a vida cotidiana da uma parada.

Desta forma, governos e bancos centrais trabalham para manter um aumento de preços previsível – as chamadas metas de inflação.

Existem produtos no mercado financeiro que ajudam a te proteger dessa variação dos preços. São os títulos de renda fixa atrelados ao IPCA. Como CDB, debêntures, títulos públicos que pagam uma remuneração de IPCA+ uma taxa fixa ao ano. Alguns desses títulos ainda são isentos de imposto de renda.

Como você prefere se proteger da inflação, gastando ou investindo?

Bruno Royo – Assessor de Investimentos da Diagrama

Entre em contato conosco: (11) 99332-0861 | Rua Amazonas, 439 CJ 45 – São Caetano do Sul XP (ABC) | Av. Ibirapuera, 1753 – XP Moema – SP.

Imagem:  Marcelo Brandt / G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Abrir chat
Em que podemos ajudar?
Olá 👋
Podemos te ajudar?